Novo Mundo, nova novela das 6: Letícia Colin será Leopoldina

Letícia Colin aparece, pela primeira vez, como Leopoldina, sua personagem em 'Novo Mundo', a nova novela das 6 (Foto: Ellen Soares/ Gshow)

Foto Divulgação TV Globo

Não vai ser fácil para ninguém, muito menos para Leopoldina (Letícia Colin). Novo Mundo, a nova novela das 6, começa justamente na vinda da arquiduquesa austríaca para o Brasil em 1817, no início do século XIX. Para finalmente conhecer Dom Pedro (Caio Castro), seu marido, e reinar ao seu lado, a monarca vai atravessar o Atlântico sonhando com seu príncipe encantado sem nunca tê-lo visto. Nas terras tupiniquins, porém, ele não deixará seus casos proibidos, mesmo sendo um homem casado no papel.

Escrita por Thereza Falcão e Alessandro Marson, com direção artística de Vinícius Coimbra, Novo Mundo é uma aventura romântica ambientada no Brasil do início do século XIX, entre 1817 e 1822. A estreia da trama está prevista para março.

MTV confirma segunda temporada de Catfish Brasil

Divulgação MTV

A MTV acaba de confirmar a produção da 2ª temporada do reality show ‘Catfish Brasil’. Os apresentadores Ciro Sales e Ricardo A. Gadelha voltam, em oito episódios inéditos, para desvendar os maiores mistérios dos relacionamentos que nasceram na internet – e de lá nunca saíram.

As gravações começam em março e a estreia está prevista para o segundo semestre de 2017. Aos interessados em contar suas respectivas histórias na tentativa de participar do programa, as inscrições já estão abertas pelo site do canal: mtv.com.br/catfish-brasil.

Em cada episódio, Ciro e Ricardo mergulham em uma nova aventura para ajudar uma pessoa apaixonada a descobrir a verdade sobre seu parceiro(a). A ideia é investigar e ajudar quem pode ter sido enganado a desvendar mentiras e verdades sobre seu relacionamento online.

Tela Quente, hoje (30) Qualquer Gato Vira-Lata 2

Divulgação

Qualquer Gato Vira-Lata 2 (2015)

Tati e Conrado, que terminam juntos o primeiro filme, viajam a Cancún, onde ele participa de uma conferência para o lançamento de seu livro. Lá, ela aproveita a ocasião para pedi-lo em casamento, com transmissão via internet para todos os amigos no brasil. Mas, ao responder, Conrado solta apenas um “posso pensar?”. A moça, então, se decepciona e Marcelo, ex de Tati, volta a ter esperanças. Para complicar, Ângela, a ex de Conrado, também é convidada para o mesmo evento no México, onde também está lançando um livro, cuja tese bate de frente com a dele. Nesta segunda,  22h41.

“O que a vida me roubou” estreia no SBT nesta segunda, 30

A partir desta segunda-feira (30/01), às 18h30, o SBT vai exibir mais uma novela inédita em suas tardes. “O que a vida me roubou”, exibida originalmente no México em 2013, traz Angelique Boyer (Teresa e Abismo de Paixão) e Sebastián Rulli (Teresa e Rubi) como protagonistas.

A nova novela vem para substituir A Gata, cujo último capítulo será exibido dia 06 de fevereiro. Assim, o SBT mantém a sua estratégia de exibir a últimas semanas da novela atual juntamente com a primeira da nova.

A história se passa em Água Azul, onde vive a bela Monserrat. A jovem sempre foi submissa a sua mãe, Graciela, cuja única preocupação é manter seu elevado status na sociedade, ainda que a família não esteja bem financeiramente. Monserrat, apesar de fazer tudo o que sua mãe lhe diz, mantém um relacionamento secreto com José Luis, com quem planeja casar-se.

Quando Graciela descobre o romance de sua filha, tenta arruiná-lo, pois deseja que Monserrat se case com Alessandro.

Alessandro vive em uma fazenda perto de Água Azul. Ele é um dos peões favoritos de Benjamin Almonte, de quem herda todo o patrimônio. O rapaz se apaixona por Monserrat.

Os problemas financeiros da família de Monserrat são tantos que Graciela consegue convencer a filha a se casar com Alessandro para poder ter condições de pagar suas dívidas.

Com o tempo, Monserrat descobre que ama Alessandro e fica dividida com relação a José Luis.

Altas Horas, hoje (28) Tatá Werneck relembra viagem de 15 anos à Disney

Altas Horas

Divulgação TV Globo

O furacão Talita Werneck Arguelhes aterrissou em solo americano pela primeira vez aos 15 anos e não economizou na empolgação. Fã dos personagens da Disney e de aventura, Tatá Werneck fez as malas sem os pais Claudia Werneck e Alberto de Jesus Arguelhes e deu aquele grito de “liberdade”. “Gastei todo o dinheiro no primeiro dia e caí de uma baleia. Fiz tudo que não podia porque eu estava sozinha”, explica ela no Altas Horas deste sábado (28/1).

Prêmio Multishow de Humor começa a gravar sexta temporada

Divulgação Multishow

Bento Ribeiro, Dani Valente, Marcelo Marrom, Natália Klein e Sergio Mallandro se preparam para gravar a sexta temporada do “Prêmio Multishow de Humor” a partir desta semana.

Juntos, os jurados voltam à bancada para eleger um novo nome do humor brasileiro em 20 episódios inéditos. Entre os jurados, que serão convidados especiais, estão confirmados: Katiuscia Canoro, Rafael Infante, Rafinha Bastos e Simone Gutierrez. A apresentação segue com Fábio Lins.

A direção é de Pedro Antonio Paes, com produção da Dois Moleques e previsão de estreia ainda para o primeiro semestre.

Bertolazzi comenta onda dos programas de culinária na TV no “Estação Plural”

Divulgação TV Brasil

“Comecei na gastronomia no buffet com a minha mãe fazendo festa de casamento. Depois montei meu restaurante e em seguida fui para a televisão”, revela o chef Carlos Bertolazzi na entrevista para Fefito, Ellen Oléria e Mel Gonçalves no programa “Estação Plural” desta segunda (23/01), às 22h, na TV Brasil.

Fera na cozinha, Bertolazzi ganhou fama ao participar dos realities de culinária na telinha. Com bom humor, ele brinca com os apresentadores sobre o seu toque especial nessas atrações: colocar pânico entre os cozinheiros.

O entrevistado também comenta a onda dos programas de culinária na televisão brasileira. Os programas sobre o tema proliferaram tanto nos canais de sinal aberto quanto na tevê fechada. Carlos Bertolazzi argumenta que vê o trabalho na cozinha como vocação.

“Antes eu trabalhava no mercado financeiro. Costumo dizer que hoje eu não sei onde começa meu trabalho e termina meu prazer. Com esse amor e tesão pelo que eu faço nem sinto que trabalho”, comenta o chef que ainda destaca a importância do tino para o negócio. Para ele, não basta saber cozinhar.

“Para ter um restaurante de sucesso não basta ser um bom cozinheiro. Tem que ser bom administrador. Um restaurante é um negócio como qualquer outro. Pode estar lotado, mas você precisa fazer compras, gerenciar o seu menu, pensar o cardápio de uma maneira que faça sentido e você aproveite o alimento de uma forma completa”, explica Bertolazzi.

O papo de Fefito, Ellen Oléria e Mel Gonçalves com o chef ainda gira em torno de outros temas: como lidar com a posse no amor e a violência contra a população trans no Brasil, país que mais mata transexuais no mundo.

No desafio Aurélia, Carlos Bertolazzi tenta adivinhar o sentido do termo “neuza” na linguagem pajubá. Nesse quadro do programa Estação Plural, os entrevistados devem descobrir o significado de palavras do universo LGBT.

Escorpião, aranha, vespa, carne de cachorro, pele de baleia, macaco defumado, filhotes de rato, vinho de cobra… Essas e outras iguarias podem soar exóticas ou até mesmo consideradas “bizarras” para muitos brasileiros e até ocidentais como um todo, mas fazem parte do cardápio de milhares de pessoas mundo afora.

Como a diversidade é a marca registrada do Estação Plural, os variados hábitos alimentares não poderiam ficar de fora da pauta. E sobre o assunto, o chef Carlos Bertolazzi é enfático. “A gente precisa observar muito as culturas, porque às vezes a gente critica alguma coisa, algum tipo de alimento que alguém consome sem pensar o porquê de se consumir aquilo ou qual é a explicação”, fala.

Com a maior população do planeta, cerca de 1,3 bilhão de pessoas, a China é um dos países mais conhecidos por suas iguarias. Após turbulentos períodos de fomes devastadoras, lá se come um pouco de tudo, inclusive insetos. “os problemas de fome no mundo seriam reduzidos se as pessoas comessem insetos, mas a gente não tem culturalmente esse costume”, pondera Bertolazzi.

Sol Nascente, hoje (23) Carol ameaça denunciar César

 Foto Divulgação TV Globo

Depois de instalar câmeras no quarto para desmascarar César(Rafael Cardoso), Carol (Maria Joana) quer garantir que captará boas gravações para seu ‘filme’. Na primeira chance a advogada enfrenta o vilão: “ arrumando a mala, César? Vai fugir? (…) Se alguma coisa acontecer comigo, a lama vai toda pro ventilador. Eu tenho provas contra você. E elas vão chegar na mão da pessoa certa no instante em que você tocar em um fio de cabelo meu. Já tomei todas as providências”.

É o suficiente para que César fique enfurecido e comece a questionar a morena sobre as tais provas. Como sempre, ele apela para o lado mais fraco e diz que, caso ela faça algo contra ele, quem vai pagar é o bebê que ela está esperando. Enquanto ele sai do quarto, ela promete para si mesma que não deixará que a ameaça do vilão se cumpra.

%d blogueiros gostam disto: